25 de jul de 2017

STONERIA: lyric vídeo de “Latino Americano” lançado!


O mais novo lyric vídeo do STONERIA já está no ar! Se trata da faixa “Latino Americano” que pertence ao seu Debut autointitulado e traz uma abordagem forte e impactante como a sua letra.

O lyric vídeo foi novamente produzido por Leonardo Ronqui com imagens bem sacadas que casaram perfeitamente com a música, seja no instrumental ou na parte lírica.

Não perca tempo e assista agora mesmo:



Links Relacionados:


CORE DIVIDER: participação no “Apocalipse Metal” em Agosto



No dia 06/08 (Domingo) o CORE DIVIDER participará do “Apocalipse Metal”, em Ferraz de Vasconcelos/SP. O show acontece no Esconderijo Rock Bar (Rua Armenia, 108, Ferraz de Vasconcelos), à partir das 17h, e além do CORE DIVIDER, se apresentam as bandas Scumunion e V.D.M

Para maiores informações, siga a página do evento no Facebook:



No dia 20 de Agosto, o programa Comando Noise exibira um especial com músicas do álbum de estreia do CORE DIVIDER, “Against War I”.

O programa vai ao ar todos os domingos, das 20h às 00h, e tem transmissão simultânea nas seguintes rádios:


Conheça mais do CORE DIVIDER, assistindo o videoclipe de “No War”, uma das músicas mais brutais de seu trabalho:



O CORE DIVIDER está na nova coletânea da Imperative Music (Volume #14), ao lado de várias bandas, dentre elas, nomes consagrados do Metal, como Obituary e Kreator. Para mais informações, acesse: www.imperative-music.com

Para adquirir “Against War I” – ou qualquer merchand da banda – entre em contato através das redes sociais listadas abaixo.

O CORE DIVIDER é formado por Jorge Muhamed (vocal), Tueu Isaac (guitarra), Uiu Gomes (baixo) e Douglas Hammer (bateria).

Siga o CORE DIVIDER em seus canais oficiais:

Precisamos falar sobre Suicídio e Depressão


Por Samantha Feehily (postado no site Wonder Girls BR em 24/07/2017)


O suicídio é um problema de saúde pública global que atinge todas as faixas etárias que acontece com frequência em todos os países e por diferentes razões.

Um estudo divulgado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) revelou uma realidade chocante no Brasil: 32,3 casos de suicídio são registrados por dia no país, isto representa uma média de mais de uma morte por hora.

A ideia de que o ato tem relação com doenças mentais, como depressão, por exemplo, é consolidada. Entretanto outros fatores que podem contribuir para que uma pessoa recorra ao ato. De acordo com a OMS, muitos suicídios acontecem em momentos de crise com o enfraquecimento da habilidade de lidar com os problemas da vida, como problemas financeiros, fins de relacionamentos amorosos, dores crônicas e doenças.

Em países de alta renda, o grupo mais vulnerável é o de homens com mais de 50 anos. Já em países de baixa ou média renda, o foco está em mulheres com mais de 70 anos e jovens adultos, entre 15 e 29 anos.

A Organização Mundial da Saúde lembra que a prevenção é possível. E uma das medidas mais eficazes, diz o estudo, é a restrição ao acesso aos principais meios de suicídio, como armas e pesticidas. O primeiro levantamento global sobre o tema realizado pela OMS aponta também que os principais métodos utilizados em todo o mundo são envenenamento, enforcamento ou armas de fogo.

Já perdemos, entre tantos, Robin Williams, um grande ser humano e ator (Uma Babá quase perfeita e Uma Noite no Museu entre outros filmes). Robin Williams tirou sua vida depois de anos de luta contra depressão, mania, alcoolismo e abuso de substâncias.

E na semana passada o vocalista do LINKIN PARK, Chester Bennington foi encontrado morto. O cantor de 41 anos se enforcou em sua casa, em Los Angeles. Chester era casado e deixa seis filhos. O cantor lutou contra o vício de drogas e álcool por anos. Em entrevistas, ele havia dito ter considerado o suicídio no passado, após ter sido abusado na infância. Chester era amigo próximo do cantor Chris Cornell, que cometeu suicídio em maio.

Tragicamente os sentimentos de desesperança que podem acompanhar a depressão levou a melhor sobre eles. Sua morte é mais uma chamada para acordarmos, que reacendeu a discussão sobre a doença mental e a necessidade de criar um diálogo público mais forte para ajudar aqueles que sofrem de doença mental.

O que torna a sua morte tão difícil de compreender é não só a nossa admiração por ele como um gênio da comédia, mas também que aparentemente tinha tudo – sucesso e os recursos para lutar contra a doença.

A verdade inconveniente, porém, é que as doenças mentais podem ser fatais. Essas doenças atualmente matam tanto quanto os grandes assassinos. Temos de continuar a investir em pesquisa para desenvolver tratamentos novos e mais eficazes para pessoas com depressão e outras doenças mentais. A meta deve ser um futuro em que não haja vidas perdidas como resultado do suicídio.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, em média cerca de 3.000 pessoas tiram suas vidas diariamente e para cada pessoa que comete suicídio, 20 ou mais tentam acabar com suas vidas.

Como podemos ajudar a diminuir essas estatísticas:

  1. Aumentando a conscientização de que o suicídio é evitável
  2. Melhorando a educação sobre o suicídio
  3. Divulgando informações sobre o conhecimento do suicídio
  4. Diminuindo a estigmatização em relação ao suicídio
  5. Depressão, o mal da modernidade

Com as mudanças ocorridas no estilo de vida dos brasileiros, os transtornos psicológicos e psiquiátricos passaram a ocupar lugar de destaque entre os problemas de saúde pública do país.

Dados de uma série de estudos apontam as doenças mentais como responsáveis pela maior parte de anos de qualidade de vida perdidos devido a doenças crônicas. Os maiores vilões são a depressão, psicoses e dependência de álcool. Em seguida, estão as doenças cardiovasculares.

Segundo o estudo, entre 18% a 30% da população brasileira apresentam sintomas de depressão. A mortalidade por demência aumentou de 1,8 mil por 100 mil habitantes em 1996 para 7 por mil habitantes em 2007.

De acordo com a Associação Brasileira de Psiquiatria, em cada 100 pessoas com depressão grave, 15 cometem suicídio. Dados de 2013 divulgados pela OMS (Organização Mundial da Saúde) indicam que mais de 350 milhões de pessoas no planeta têm depressão – o que representa 5% da população mundial. De acordo com estudo publicado na revista científica PLOS Medicine, no ano passado, ela é a segunda maior causa de invalidez, no mundo, ficando atrás apenas das dores nas costas. Cerca de 20% das pessoas já tiveram, têm ou ainda terão a doença ao longo da vida.

Uma das principais dificuldades enfrentadas por quem sofre de depressão é entender e fazer com que os outros entendam que ela não é “frescura”, mas uma doença, como hipertensão ou diabetes.

Isso significa que precisa ser tratada por um psiquiatra, capaz de orientar e, se necessário, medicar adequadamente o paciente. A psicoterapia em conjunto pode ser muito útil, mas o tratamento médico é essencial.

Apesar de todo estigma existente em torno da depressão, ela é uma das principais doenças que acometem a humanidade atualmente. Dados de 2013 divulgados pela OMS (Organização Mundial da Saúde) indicam que mais de 350 milhões de pessoas no planeta têm depressão – o que representa 5% da população mundial. De acordo com estudo publicado na revista científica PLOS Medicine, no ano passado, ela é a segunda maior causa de invalidez, no mundo, ficando atrás apenas das dores nas costas.

A depressão não escolhe faixa social. Estima-se que 8% das pessoas adultas em todo o planeta sofram de depressão e que 10 a 20% ainda serão vítimas desta doença em algum momento de suas vidas. “A depressão, ao contrário do que muitos acreditavam, não é um estado de espírito ou humor, mas sim uma doença que se manifesta de diversas maneiras, podendo levar à morte. Considerado um problema psicossomático, com sintomas físicos evidentes, é uma enfermidade causada por alterações químicas no cérebro, que afetam as emoções podendo também prejudicar a capacidade mental. O cérebro é formado por inúmeras células que se comunicam entre si, através de substâncias químicas chamadas neurotransmissoras. No caso das pessoas com depressão, as substâncias químicas deixam de circular como deveriam”, explica Dr. Leonard Verea, psiquiatra.


Sintomas da Depressão

Os sintomas mais comuns são tristeza, desânimo, insônia, apatia, falta de alegria, de apetite (algumas pessoas têm aumento de sono e de apetite), falta de desejo sexual, preguiça – até mesmo de fazer atividades simples como tomar banho, assistir televisão ou ler jornal. Ou seja, nos quadros depressivos há uma diminuição geral do nível de energia da pessoa. Quando um indivíduo enfrenta um processo de depressão, ocorrem pensamentos pessimistas e repetitivos. O doente perde o interesse por coisas que gostava de fazer ou por pessoas com as quais apreciava conviver. O paciente depressivo não consegue se concentrar em uma leitura ou guardar na memória o que leu. Muitas vezes aparecem ataques de ansiedade, acompanhados por sudorese, palpitações e tremor. Os pensamentos obsessivos também são comuns: a pessoa sabe que eles não fazem sentido, mas não consegue tirá-los da cabeça.

Outra característica é que problemas que antes eram resolvidos com facilidade se tornam tarefas pesadas e difíceis. Situações que anteriormente eram agradáveis perdem a graça. Alguns casos desta doença se caracterizam por dores vagas e difusas pelo corpo ou na cabeça. O intestino pode ficar preso, a boca amarga, a pele envelhecida, os cabelos e as unhas fracas e sem brilho. Muitas pessoas não conseguem nem sentir alegria nem tristeza (“sensação da falta de sentimentos”). A vítima da depressão ainda pode ficar com “ideias fixas”. As principais são as seguintes: achar a situação financeira ruim e sem perspectiva, além de sentir-se culpado por coisas que fez e que não fez no passado.

A maior parte dos casos de depressão surge em consequência de um acontecimento negativo: a perda de uma pessoa querida; uma demissão sem aviso prévio; um abandono traumático; nestes casos chamamos de forma reativa da doença. Quando não é possível identificar facilmente a origem do problema, chamamos de quadro endógeno: é a forma mais grave; a única para a qual o uso de medicamentos é necessário. Uma outra diferenciação é entre a depressão monopolar e a bipolar, conhecidas antigamente como maníaco-depressiva. Na depressão monopolar, o humor se mantém negativo e é presente uma diminuição psicomotora com alterações do ciclo sono-vigilia. Já os que são atingidos pela forma bipolar alternam longos períodos de desespero com momentos de euforia incontrolável, nos quais a hiperatividade é muito intensa, junto com uma exagerada consideração de si mesmo.

O psiquiatra, Dr. Leonard Verea, respondeu algumas perguntas sobre o tema.

Como funciona no organismo o processo de depressão?

Depressão não é tristeza. É uma doença que precisa de tratamento. Cerca de 18% das pessoas vão apresentar depressão em algum período da vida. Quando o quadro se instala, se não for tratado convenientemente, costuma levar vários meses para desaparecer. A depressão é uma patologia que atinge os mediadores bioquímicos envolvidos na condução dos estímulos através dos neurônios, que possuem prolongamentos que não se tocam. Entre um e outro, há um espaço livre chamado sinapse, absolutamente fundamental para a troca de substâncias químicas, íons e correntes elétricas. Essas substâncias trocadas na transmissão do impulso entre os neurônios, os neurotransmissores, vão modular a passagem do estímulo representado por sinais elétricos. Na depressão, há um comprometimento dos neurotransmissores responsáveis pelo funcionamento normal do cérebro.


Podemos dizer que existem casos de depressão oriundos de fatores genéticos ou de caráter mais fisiológico? Quando o processo depressivo é desencadeado por fatores externos (um luto ou perda de emprego, por exemplo), seus efeitos são os mesmos no organismo?

Precisamos definir que há diferença entre tristeza e depressão. Tristeza é um fenômeno normal que faz parte da vida psicológica de todos nós. Depressão é um estado patológico. Existem diferenças bem demarcadas entre uma e outra. A tristeza tem duração limitada, enquanto a depressão costuma afetar a pessoa por mais de 15 dias. Podemos estar tristes porque alguma coisa negativa aconteceu em nossas vidas, mas isso não nos impede de reagir com alegria se algum estímulo agradável surgir. Além disso, a depressão provoca sintomas como desânimo e falta de interesse por qualquer atividade. É um transtorno que pode vir acompanhado ou não do sentimento de tristeza e prejudica o funcionamento psicológico, social e de trabalho. A pessoa deprimida ou com predisposição, às vezes com uma chateação corriqueira, pode ser nocauteada e cair num abismo sem fim ou então, ser mais resistente, mas numa crise brava também vai pro abismo. Por que é assim mesmo que se sente um deprimido. Uma pessoa sem perspectiva de vida, sem amor próprio, pessimista, desanimada que não vê graça em nada a não ser no seu isolamento e luto em vida. Na realidade este desânimo perante a vida não é falta de atitude e sim um mau funcionamento cerebral. Porque embora muitas pessoas acham que depressão é frescura, ela é uma doença, um desequilíbrio bioquímico dos neurotransmissores (mensageiros químicos do impulso nervoso) responsáveis pelo controle do estado de humor.


Por que os medicamentos antidepressivos causam efeitos colaterais como insônia, perda ou ganho de peso e disfunções sexuais?

A dopamina e serotonina são neurotransmissores que estão muito associados ao estado afetivo das pessoas. A serotonina está ligada a sentimentos de bem estar ou mal estar. Ela regula o humor, o sono, a atividade sexual, o apetite, o ritmo cardíaco, as funções neuroendócrinas, temperatura corporal, sensibilidade à dor, atividade motora e funções cognitivas. A dopamina está associada à sensação de euforia, entusiasmo e prazer. Esta regula o controle do movimento, da percepção e da motivação. Na depressão a dopamina, serotonia e outras substâncias químicas como a noradrenalina, ácido gama-aminobutírico e aceticolina ficam alterados, desorganizando o estado de humor, as emoções, capacidade mental e o bem estar geral do organismo. Por isso é preciso acompanhamento médico.


Quais as diferenças entre os antidepressivos IMAO, tricíclicos, ISRS e ANES? O que leva um psiquiatra a receitar um deles em detrimento de outro?

O tratamento vai depender de cada caso, por isso o psiquiatra quem escolhe. O local de ação das drogas antidepressivas será nos sistemas noradrenérgico o serotoninérgico do Sistema Límbico. Os antidepressivos atuam no sentido de tentar normalizar as sinapses neuronais a partir do aumento de neurotransmissores (principalmente serotonina – 5-HT -, e noradrenalina ou norepinefrima – NE – e da dopamina – DA) disponível nas fendas sinápticas, bloqueando a recaptação dos mesmos pela membrana pré-sináptica. As drogas tricíclicas, as drogas tetracíclicas estreitamente relacionadas e os inibidores da monoaminoxidade (IMAOs) são as drogas antidepressivas clássicas. Os antidepressivos variam em seus efeitos farmacológicos. Esta variabilidade é a base para que pacientes individuais respondam a um antidepressivo, mas não a outros. A variação é também a base para os diferentes efeitos colaterais. A maioria dos clínicos escolhe uma droga tricíclica ou tetracíclica ou um dos ISRSs como primeira opção no tratamento do transtorno depressivo. Os tricíclicos e os tetracíclicos são escolhidos em virtude do nível de familiaridade com essas drogas mais antigas, além de serem mais baratas. Os ISRS são escolhidos porque são muito melhor tolerados. Podemos dividir os antidepressivos em 4 grupos: Antidepressivos Tricíclicos (ADT); Inibidores da Monoaminaoxidase (IMAO); novos antidepressivos; Inibidores Seletivos de Recaptação da Serotonina.


Podemos esperar para o futuro medicamentos mais eficazes e com menor número de efeitos colaterais? A depressão poderia, assim, sair de cena?

Sim, acredito que novas formas e abordagens ganhem mais espaço para o tratamento. A boa notícia para quem sofre de depressão é que há inúmeras formas de tratamento. Os medicamentos antidepressivos são uma opção. Entretanto, uma excelente alternativa de cura para quem não quer se submeter às dosagens medicamentosas é o tratamento por meio da medicina psicossomática e hipnose dinâmica. Este transtorno não é apenas psíquico, também é físico na medida que há uma baixa na produção de serotonina, o hormônio que proporciona as sensações de prazer no corpo, sendo as vezes necessário medicamentos. Isso acontece na medida em que métodos de psicoterapia não são suficientes ou ter procurado um profissional depois de um certo tempo do sintoma se manifestar. A hipnose, possibilita diferentes articulações do pensar, o que pode proporcionar mudanças específicas, onde o indivíduo ao vir pensando de uma certa forma, um pensamento viciado, ou mesmo contagiado pelo problema da depressão, pode modificá-lo. O paciente precisa ver transformada suas formas de perceber a si mesmo, o mundo e seu próprio futuro; Do negativo para o positivo. Com a hipnose, é possível coloca-lo em diferentes situações no presente e futuro, onde possa se imaginar já com uma nova realidade. Ver-se em diferentes situações: em casa, com familiares, amigos, no trabalho, na rua ou no clube. O interessante é cobrir o máximo de possibilidades onde o paciente possa se ver nas mudanças de hábitos, pensamentos, comportamentos e nas suas diferentes interações humanas. Na hipnose, também tem-se a possibilidade do transe, que é um pensamento direcionado, este proporcionará com ainda maior facilidade a mudança. Desta forma, pode-se ajudar o paciente a reaprender ou mesmo aprender novas formas de reagir frente aos diferentes estímulos, que até então eram de apatia. Como mais gosto, mais prazer, voltando à sua vida normal, conquistando um viver mais equilibrado.

Acompanhem o trabalho de Samantha:



Samantha Feehily: Jornalista, Pós graduada em Comunicação Empresarial e Institucional, Pós graduada em Jornalismo Digital, Pós graduação em Jornalismo Contemporâneo e Mestre em Comunicação. Diretora da Projeta Comunicação Integrada. Foi editora chefe em uma Agência de Comunicação, responsável pelo conteúdo de jornais internos e de e-mail marketing. Foi professora universitária do Centro Universitário Nove de Julho (UNINOVE). Acumula mais de 14 anos de experiência em assessoria de comunicação. É responsável pelo site Arrasa, gata!, um portal de beleza e é apresentadora do Programa Estressadas, um programa de comportamento feminino.

NERVOCHAOS: grande entrevista para a revista Roadie Crew


O NERVOCHAOS é um dos destaques da nova edição da revista Roadie Crew onde figura com uma belíssima entrevista.

A entrevista foi respondida pelo baterista Edu Lane e nela o músico fala sobre a experiência em Bangladesh, a atual formação e o disco novo, ‘Nyctophilia’. A entrevista está na edição 222, capa do Black Sabbath, e pode ser comprada nas bandas ou pelo site www.roadiecrew.com.br

A banda segue em sua grande turnê pelo Brasil junto com o Coldblood. As apresentações tiveram início no dia 13 de julho em São Paulo e seguem pelos estados de Minas Gerais, Espírito Santo, Bahia, Sergipe, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí, Maranhão, Pará, Tocantins, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, até o dia 20 de agosto após 29 shows.


Para conferir todas as datas, curta e siga o Facebook oficial do NERVOCHAOS: www.facebook.com/NervoChaos

Os shows promovem o recém-lançado ‘Nyctophilia’, que saiu no Brasil pela Cogumelo Records/Voice Music e pela Greyhaze Records na América do Norte e Europa. O álbum já pode ser comprado nas principais lojas especializadas ou diretamente com o grupo por e-mail, Facebook ou na loja oficial: https://goo.gl/aF7Xkx


Sites Relacionados:

Fonte: Metal Media

X-EMPIRE: faixa-a-faixa é nova série de vídeos lançada pelo grupo



Após uma completíssima série de vídeos mostrando o ‘making of’ do álbum ‘Grief’, o X-EMPIRE lança uma nova série focada em comentar as faixas do disco.

Todos os vídeos estão sendo postados periodicamente na fanpage do grupo no Facebook, confira as duas primeiras:





As outras faixas serão disponibilizadas na mesma página. Para acompanhar, curta e siga: https://www.facebook.com/xempireofficial/

‘Grief’ foi gravado e produzido nos estúdios M&H e Flight. A capa ficou nas mãos do artista Marcus Lorenzet da ArtSpell Artwork. Este é o primeiro álbum do X-EMPIRE e sucede o bem-recebido EP ‘End Of Times’ de 2014.


A primeira música retirada do trabalho, ‘All Masks Fall’, pode ser conferida pelos links:




Sites Relacionados:

Fonte: Metal Media

SKINLEPSY: todas as informações do pocket show de lançamento de ‘Dissolved’



O SKINLEPSY está preparando um show muito especial para o lançamento oficial de seu novo álbum, ‘Dissolved’, e apresenta todos os detalhes do evento.

A primeira coisa a se saber é que será no lendário estúdio DaTribo (https://goo.gl/S1r5dA) na cidade de São Paulo. Outro ponto importantíssimo é que a lotação do espaço é extremamente limitada (50 pessoas) por isso, para garantir sua vaga, confirme sua presença no evento clicando no link: https://goo.gl/XhZaKY

Você também pode comprar o ingresso antecipado: https://goo.gl/eMFXWK

O show acontece no dia 5 de agosto e terá início às 20h. No local serão vendidos CDs, camisetas e todo o material oficial do SKINLEPSY. Mais infos pelo link: https://goo.gl/XhZaKY

O DaTribo Estúdio fica na Avenida Água Fria, 749 – Jd. São Paulo.


‘Dissolved’ pode ser comprado nas lojas especializadas, diretamente com a banda por e-mail ou Facebook, ou também com a Shinigami pelo link https://goo.gl/aU5hh5

O álbum também está disponível nas principais plataformas e aplicativos de música digital, confira alguns:


Assista ao lyric video para a música ‘The Hate Remains the Same’:




Sites relacionados:

Fonte: Metal Media

TCHANDALA : banda anuncia última participação especial do disco



Já aproximando do lançamento de seu novo álbum, ‘Resilience’, o TCHANDALA orgulhosamente anuncia mais uma participação especial!

Trata-se do músico e produtor Dan Loureiro (Ex-Confiteor e atual Ynys Wydryn), talentoso vocalista que está não só coproduzindo o novo disco, como também participou dos coros do álbum. Dan já dividiu os vocais no TCHANDALA no álbum anterior, ‘Fear of Time’.


Sua participação vai além dos vocais e coprodução em ‘Resilience’. Ele atuou também como coaching vocal e tocou violão na faixa ‘Father´s Spirit’.

Anteriormente o TCHANDALA havia anunciado outras grandes participações especiais no álbum: o vocalista norte-americano Tim “Ripper” Owens (ex-Judas Priest, ex-Iced Earth), a dupla mineira Clarice Pawlow e Renan Fontes e o vocalista Iuri Sanson (Hibria).


‘Resilience’ foi gravado, mixado e masterizado no Revolusom Studio e produzido pelo TCHANDALA e Dan Loureiro no Revolusom Studio. A capa foi feita pelo artista Marlon Delano. A faixa-título foi disponibilizada para audição, confira:




Sites relacionados:

Fonte: Metal Media

MAKINÁRIA ROCK: confirmada no Dopamina Fest em Bauru



O Rock n’ Roll do MAKINÁRIA ROCK estará de volta a cidade de Bauru, interior paulista, neste sábado 29 de julho.

A banda foi confirmada como uma das atrações do festival Dopamina Fest, que conta ainda com as bandas Overhead e Lobus Aerius. O evento acontece no Exílio Art Pub com início às 23h13. Saiba mais: https://goo.gl/mKn17p

O grupo segue nos preparativos finais de seu novo álbum batizado – através de um grande votação entre os fãs do grupo – de ‘Mundo Imundo’, o material sucede diretamente o disco ‘Ciade Rock’ e está previsto para meados de outubro deste ano.


O álbum está sendo gravado e produzido por Lau Andrade no Estúdio Conspiração, que também ficará encarregado da mixagem e masterização. A bela capa que acertou em cheio o conceito de ‘Mundo Imundo’ ficou por conta do guitarrista da MAIKINÁRIA ROCK, Augusto Abade.

Um single do disco foi lançado. Trate-se da música ‘Lemmy Imortal’, que além de apresentar um pouco do novo disco, também presta tributo ao músico britânico Lemmy Kilmister:




Sites Relacionados:

Fonte: Metal Media

DARK INQUISITION: banda celebra 17 anos com primeiro clip e nova formação


Prestes a completar 17 anos de muitas lutas, a banda de Pagan Metal DARK INQUISITION está se preparando para disponibilizando o vídeo oficial para a faixa "Glorification of Evil" a partir do dia 27/07.

Veja o teaser no link abaixo.


"Glorification of Evil" faz parte do EP "Before the Battle", lançado no final de 2016 pela Abigail Records.

O vídeo tem produção da KRR Produções, e roteiro e direção assinados por Keyla Santos, que apresenta este como seu primeiro trabalho com bandas de Metal.  


Aos que desejarem conferir o EP "Before the Battle", este se encontra disponível nas principais stores online (pelo link http://smarturl.it/before-the-battle) ou adquirindo a mídia física pelo site da banda, em http://darkinquisition.com.
 
Contatos:

Site Oficial: http://darkinquisition.com
Facebook: https://facebook.com/darkinquisition
Instagram: https://www.instagram.com/darkinquisition/
Spotify: https://open.spotify.com/artist/11fYa3b3AGDG3IxyN1Qt58
Deezer: http://www.deezer.com/album/14050592

FINAL DISASTER: banda lançará série de vídeos em canal do YouTube



Nesta segunda (24) a banda FINAL DISASTER postou um vídeo em seu Facebook oficial, anunciando que seu canal no Youtube estará com uma série de novos vídeos nos próximos dias – incluindo o novíssimo videoclipe de “Beware The Children”.

Assista aqui:



Para acompanhar as novidades, siga o canal oficial do FINAL DISASTER no YouTube:


O FINAL DISASTER também está com uma loja oficial na plataforma da ZN Store, com vários produtos. Para acessar, clique no link abaixo:


“The Darkest Path” tem sido destaque na mídia especializada, fazendo com que a banda venha sendo considerada uma das grandes revelações de 2017.Para adquirir o EP “The Darkest Path”, basta entrar em contato com a banda em suas redes sociais, listadas abaixo.

Para ouvir “The Darkest Path”, acesse:


A formação do FINAL DISASTER traz Kito Vallim (vocal), Laura Giorgi (vocal), Daniel Crivello (guitarra), Rodrigo Alves (guitarra), Felipe KBÇA (baixo) e Bruno Garcia (bateria).

Acompanhe o FINAL DISASTER em seus canais oficiais:

THE DAWLERS: anunciado oficialmente a produção do primeiro álbum


Formada inicialmente como um projeto entre amigos no ano de 2000, a banda gaúcha THE DAWLERS após algumas dificuldades na formação do grupo, finalmente deu início ao processo de criação do seu primeiro registro de estúdio.

Ainda sem uma data exata para o lançamento, o disco autointitulado de THE DAWLERS será um registro focado no autêntico Heavy Metal tradicional, com algumas linhas mais melódicas, flertando diretamente com o Power Metal.

A banda que teve um hiato de mais de 10 anos, se mostra renovada e cheia de criatividade, alguns shows já foram realizados e em breve a banda irá se apresentar no festival “Kampf Rock 5” que será realizado em outubro.

A banda atualmente é formada por:

Roni Cristiano: Vocal/Guitarra
Dieiso Abreu: Bateria
Keandro Soares: baixo

Mais informações:


A/C Gleison Junior

IMPIEDOSO: “Reign in Darkness” tem sua pré-venda anunciada, confira!



Um dos trabalhos mais aguardados de 2017, “Reign in Darkness”, da banda catarinense IMPIEDOSO já pode ser adquirido pelo fiel público do Metal Extremo. O álbum, que estará disponível a partir do mês de agosto deste ano, já pode ser encontrado para a pré-venda no site da Sangue Frio Records.

Em dois valores, o grupo anunciou a venda, tanto no varejo, quanto no atacado – com cota mínima de 20 cópias, destinada a selos e distros. Acesse o link a seguir e adquira agora, com antecedência, o vindouro “Reign in Darkness”: http://sanguefrioproducoes.com/loja/inicio/39-impiedoso-reign-in-darkness-pre-lancamento.html


Gravado, produzido e mixado no Hellfrost Studio por David Lago, “Reign in Darkness” foi masterizado por Georgi Radev do Solarsfall Studio da Alemanha. Assista ao teaser oficial divulgado pela banda:



Em paralelo, o IMPIEDOSO também iniciou o processo de agendamento de datas para maior divulgação do trabalho supracitado. Para mais informações sobre como reservar uma data para qualquer cidade do país, basta entrar em contato através dos e-mails contato@sanguefrioproducoes.com ou impiedoso@impiedoso.com.

Contato para shows e assessoria: www.sanguefrioproducoes.com/contato

Sites relacionados:

MORTHUR: prestes a ser lançado, “Between the Existence and the End” ganha destaque internacional


Visando antecipar as divulgações do, tão aguardado, álbum “Between the Existence and the End”, a banda gaúcha de Death Metal MORTHUR liberou o trabalho de estreia para alguns veículos da mídia especializada.

E para solidificar ainda mais o belo resultado, a primeira resenha a ser divulgada sobre o debut álbum veio de um dos principais sites relacionados a música pesada do mundo, o Metal Addicts. Em um texto extremamente positivo, o editor Ivison Poleto premiou o trabalho como “hipnótico, furioso, rápido ou simplesmente incrível.”

A matéria ainda finaliza com as palavras: “Este é o ‘Between the Existence And The End’ do MORTHUR. Sem vozes em coros e nenhuma concessão a qualquer tipo de doçura, apenas facetas duras, duras e dolorosas da vida: a existência e o fim. Não sei qual é mais doloroso. Mas o ‘Between the Existence and the End’ do MORTHUR, com certeza, não é.”

Leia a resenha completa EM INGLÊS aqui: http://www.metaladdicts.com/site/morthur-existence-end/


“Between the Existence And The End” está previsto para ser lançado dia 02/08/2017, nos formatos físico e digital pela Sangue Frio Records. Para mais informações sobre este e futuros lançamentos, escreva para sanguefriorecords@sanguefrioproducoes.com.

No Brasil, o material contou com o suporte de outras grandes distros para seu lançamento, confira: http://www.sanguefrioproducoes.com/n/869


Contato para shows e assessoria: www.sanguefrioproducoes.com/contato

Sites relacionados:

GRITO ROCK JÄGERMEISTER com Overfuzz, Miss Hell e Teto Alto!



A Collapse Agency em parceria com Buffallos Bar e apoio da Jägermeister apresentam a segunda edição do Grito Rock Jägermeister Attack.

O Buffallos Bar, o rock and beer point mais roqueiro da zona norte carioca, junto da produtora internacional Collapse Agency e Jägermeister, um dos destilados mais famosos do mundo, se unem em um novo projeto, afim de promover a música autoral e bandas que despontam no cenário do Rio de Janeiro.

A ação da autonomia, visibilidade e incentiva bandas emergentes de rock alternativo.

Para comemorar a 2º edição convidamos diretamente de Goiânia, a banda OVERFUZZ e para representar o RJ, as bandas Miss Hell e Teto Alto.

E ainda rola:
+ welcome shot de jägermeister distribuídos por promotoras da marca
+ dose quadrupla de jäger e promos de bar
+ sorteio de camisa pela Collapse Clothing
+ sorteio de brindes
+ casa decorada
+ discotecagem
+ cobertura de fotos
+ cobertura de video pela TV Undergarage

Confira o trabalho das bandas da 2º edição do Grito Rock Jägermeister Attack:

Overfuzz

A Overfuzz é um power trio que faz um rock bem trabalhado, sem rótulos e sem pudor. Formada em 2010 por três moleques frequentadores da famosa cena goiana de rock independente, tudo se desenvolveu de uma forma bem despretensiosa: bebendo cerveja e fazendo um som.

A banda possui 2 EPs lançados (“Overfuzz”, de 2013, e "You Die Tonight", de 2014), um single virtual, um compacto em vinil 7" (split com a banda Corazones Muertos, de São Paulo) e vários vídeos circulando na internet. Lançou no final de 2015 seu primeiro álbum, "Bastard Sons Of Rock 'n' Roll", com 12 faixas, que foi gravado por Gustavo Vazquez (produtor de excelentes álbuns de bandas como MQN, Black Drawing Chalks, Macaco Bong, Hellbenders...) no estúdio Rocklab Produções Fonográficas, em Pirenópolis (GO), durante o início deste mesmo ano de lançamento.

O álbum ficou com a 15ª colocação na lista dos 50 melhores lançamentos nacionais de 2015, segundo o site especializado em música Tenho Mais Discos Que Amigos, e vem sempre recebendo críticas bastante favoráveis.





Miss Hell

Em plena ascensão na cena rock carioca, a banda Miss Hell traz em suas apresentações a agressividade, o veneno e a transgressão do rock nacional. Criada em 2012 e com influencias do stoner rock e o rock dos anos 90, a banda é formado por Bruno Cavalcanti (Bateria), Nino Vergal (Guitarra), Lin Campbell (Baixo), Rômulo Catharino (Vocal), Felipe Tantemus (Samples/Synth). 

Audaciosos, a banda traz no currículo grandes shows com bandas como White Collar Sideshow (EUA), Forgotten Boys, Zander, Beach Combers entre outras. 

Em 2014, lançaram o EP com três músicas que trazem singles conhecidos pelo público como "Para Ninguém", "Deserto Verde" e "Fifty Degrees of Passion". Em 2015 a Miss Hell lançou o single "Bad Blocks" e circulou por grandes palcos do Rio de Janeiro como Circo Voador, Teatro Odisseia, Festival Emergências na Praça XV (RJ), Kult Kolector e participação no festival Solstício do Som.

Atualmente, se encontram na linha de produção para novos singles e o novo álbum mas sem deixar de lado os palcos e a correria Rock. 




Teto Alto


Banda de rock-nóia-popular-transante originada em Nova Friburgo/RJ. Formada por Lucas Santos, Pedro de Paula, Douglas Brantes e Eurico Luiz, tocam um rock underground contagiane num estilo lo-fi (low fidelity), uma tendência e estética musical nascida em meados dos anos 80 e que usa técnicas de gravação de baixa qualidade para agregar distorções e ruídos às canções.




Não tem desculpa para perder!

Sobre o Jägermeister

Confeccionado a partir de 56 ervas, frutas e raízes, o destilado produzido na Alemanha desde 1934, foi criado por Curt Mast e carrega em sua marca a lenda do St. Hubertus, o padroeiro dos caçadores. O Jägermeister é ideal para ser consumido puro e bem gelado, mas também pode ser acompanhado de cerveja ou outra bebida de preferência pessoal.

ABERTURA DA CASA: 21h00
ENTRADA: R$ 5 até as 23h / R$10 após as 23h


Evento promovido pela Collapse Agency & Buffallos Bar com apoio da Jägermeister. Unidos promovendo uma homenagem a um dos destilados mais consumidos do mundo.

Fonte: Collapse Agency
A/C Sylvia Sussekind e Bruno Moraes

BELZEBONG: esgotado 1º lote de ingressos em São Paulo


A Abraxas informa que o primeiro lote de ingressos para o show do BELZEBONG em São Paulo esgotou! Conforme anuncia a produtora, as entradas voltam a ser vendidas apenas na porta no dia do evento, que acontece neste sábado, 29, no Feeling Music Bar.

A Abraxas pretende iniciar a venda dos ingressos na porta, por R$ 70, uma hora antes da abertura da casa, prevista para as 18h, para facilitar a compra de quem ficou sem o antecipado. 

Os poloneses do BELZEBONG desembarcam esta semana no Brasil para três shows, após sólidas e pesadas apresentações no Chile, Argentina e Uruguai. O quarteto prepara um set list baseado na músicas dos dois álbuns já lançados, "Sonic Scapes & Weed Grooves" e "Greenferno", que destacaram a banda como uma das expoentes do gênero stoner doom. 

Além de São Paulo, o BELZEBONG se apresenta dia 28 de julho em Belo Horizonte, no Stonehenge Bar, e dia 30 no Rio de Janeiro, na casa La Esquina, encerrando a primeira turnê pela América do Sul. O giro tem como banda de apoio a nacional Ruínas de Sade, além de outras que tocam exclusivamente em cada uma das três datas. 

BELZEBONG em São Paulo 

Data: 29 de julho 
Horário: 18 horas
Local: Feeling Music Bar
Endereço: Rua Domingos de Morais, 1739, Vila Mariana
Ingresso: R$ 70 (portaria)

Pontos de venda:

- Yoga Punx (rua Doutor Cândido Espinheira, 156, Perdizes)
(11) 94314-7955

- Volcom (rua Augusta, 2490; apenas em dinheiro)
(11) 3082-0213

- Loja 255 na Galeria do Rock
(11) 3361-6951

- Ratus Skate Shop (rua Doná Elisa Fláquer, 286, Centro, em Santo André)
(11) 4990-5163


BELZEBONG no Rio de Janeiro 

Data: 30 de julho 
Horário: 18 horas
Local: La Esquina
Endereço: Avenida Mem de Sá, 61, Lapa
Ingresso: R$ 40 (promocional, sem taxa de conveniência) pela internet www.sympla.com.br/belzebong-no-rio-de-janeiro---doom-nation-fest-2017__147272; R$ 60 (portaria) 

Pontos de venda:
- Rocksession (Rua Conde de Bonfim, 80, loja 3 - subsolo)
3168-4934
- Tropicália Discos (Praça Olavo Bilac, 28 - Sala 207 - Centro)
2224-9215
- Hocus Pocus DNA (apenas em dinheiro, Rua 19 de fevereiro, 186 - Botafogo)
3452-3377

A/C Erick Tedesco (Assessor de Imprensa da Abraxas Produtora)

TUMULTO: entrando em estúdio para gravações novas e a produção de um novo vídeo clipe


Os músicos da banda TUMULTO revelaram que o mês de Agosto será de muita atividade para o conjunto, novas músicas e um vídeo clipe serão gravados e distribuídos ao público.

A banda que recentemente lançou o álbum “Conflitos Sociais” vem recebendo elogios dos principais redatores do país, resenhas pontuais que apontam com exatidão o que a banda procura informar com suas letras de protestos sociais.

Serão gravadas duas novas faixas nesse próximo mês, ainda não foi revelado qual o conteúdo que irá ser abordado nas músicas, um clipe também será produzido e liberado no canal oficial do grupo pelo YouTube.

Aos poucos a banda TUMULTO vai revelando suas atividades através de suas redes sociais.

Mais informações:


A/C Gleison Junior

AGE OF ARTEMIS: novo single “Unknown Strength” divulgado em todas as plataformas digitais


A banda AGE OF ARTEMIS tem o prazer em divulgar o novo single “Unknown Strength”, faixa de estreia do novo vocalista Pedro Campos (Hangar, Soulspell) e a primeira composição do novo álbum de estúdio, ainda sem nome divulgado. Completam o line-up os músicos Giovanni Sena (baixo), Jeff Castro (guitarra), Gabriel Soto (guitarra) e Riccardo Linassi (bateria).

As linhas de bateria foram gravadas no Eminence Studio pelos produtores Alan Wallace e André Marcio em Belo Horizonte (MG). As guitarras, teclados, baixo e vocal foram gravados no Universo X pelo produtor Arthur D. em Brasília (DF). Por fim, a faixa “Unknown Strength” foi mixada e masterizada por Damien Rainaud em Los Angeles, nos Estados Unidos.

A música está sendo divulgada primeiramente em todas as plataformas digitais como Spotify, Deezer, ITunes, CD Baby, Google Play, entre outras, e em breve será lançado um lyric vídeo no canal do YouTube da banda AGE OF ARTEMIS.

Escute”Unknown Strength” nas plataformas digitais:


“Nesta nova fase da AGE OF ARTEMIS contamos com os fãs que sempre nos apoiaram em todos estes anos. Esta música é dedicada a todos vocês. É uma nova era da banda e estamos muito felizes com o resultado final. Não deixem de curtir e compartilhar com seus amigos a nova música do Artemis”, disse o baixista Giovanni Sena.

Mais informações:

Fonte: TRM Press

MARENNA: band releases official video for "No Regrets"



MARENNA released last July 19th a new video to promote his album, this time, the song "No Regrets" that gives the name of the album, and can be seen on the official youtube channel. The video clip was edited by Thiago Wilbert (Bunker 85), with images captured in the last three years in several live moments of the band. The idea was to capture and highlight all the energy of the songs and the shows to the screen, a collection of the history of these 03 years of the project. The album was produced by Jonas Godoy and Arthur Appel at the Estudio Linha Sonora in Caxias do Sul.

In this video, Rodrigo Marenna has: Arthur Appel (bass/backing vocals), Aaron Alves (guitar/backing vocals), Jonas Godoy (guitar), Gionathan Sandi (drums) and Mauricio Pezzi (keyboards) as special guest.

"No Regrets":

Released in Brazil in November of 2016 by Alta Voltagem Rec, the album was considered by several specialized vehicles as one of the best national releases of the year. For the European version of the album, it won more than 10 tracks, plus 2 Bonus Tracks, and was released in March 2017 by the Danish label Lions Pride Music in Europe, Japan and USA.”No Regrets" was recorded between August 2015 and June 2016. The sound material is rooted in the classic AOR of the eighties, with a touch of Melodic Rock, merging the best features and current sound with many melodies of voices and guitars, addressing messages of optimism and perseverance. A good choice for style lovers, it uses and abuses easy-to-perceive melodies with an elaborate instrumental and production suited to the this kind of project.

The production of the album is divided between Jonas Godoy and Arthur Appel, arrangements, recording, mix and master were done by Jonas Godoy at Estudio Linha Sonora in Caxias do Sul - RS, the line-up was Gionathan Sandi (Drums), Arthur Appel (Bass and B. Vocals), Jonas Godoy (Guitar, Bass, Keyboards and Vocals) and special guests of Sasha Z., Andria and Ivan Busic (Fall In Love Again), Aaron Alves, Bruno Mello, Mauro Caldart, Fernando Mig and Rafael Netto. Guilherme Mello

Watch the video for "No Regrets"



OFFICIAL LINKS: